Congresso tira governo do sufoco e aprova suplementação de R$ 248,9 Bilhões

Com liberação benefícios sociais não serão prejudicados
Por Guilherme Kalel e Anneliese Foster

Royal Express – 11/06/2019 20h33

O Congresso Nacional aprovou nesta noite de terça-feira, 11 de junho, os créditos suplementares do governo federal que foram pedidos em março.
O valor, na casa de R$ 248,9 Bilhões, será usado para o pagamento de benefícios do INSS, Bolsa Família e outros programas federais.

No sábado, 8, o Presidente Jair Bolsonaro disse que suspenderia pagamentos do INSS, se o dinheiro não fosse aprovado pelo Congresso, a partir de 25 de junho.
Na Câmara, o texto foi aprovado por 450 votos a 0, e no Senado o placar foi de 61 a 0.
Com a autorização do Congresso, o governo que teve fraca arrecadação nesses primeiros meses do ano, poderá usar recursos do Tesouro para que possa remanejar o orçamento.
Assim, poderá pagar os créditos de vencimentos dos beneficiários.
Até aqui, não foi informado se em setembro, a primeira parcela do 13º salário de aposentados e pensionistas do INSS, que vinha sendo antecipada nos governos Lula, Dilma e Temer, serão mantidos.
Se não forem, os pagamentos serão creditados de uma vez em dezembro.

Anúncio – Os produtos que irão mudar a sua vida

Anuncie no Royal Express