Teste de fogo – Congresso define hoje futuro de aposentados, pensionistas e beneficiários do INSS

Caso não seja aprovado crédito suplementar ao governo de R$ 248,9 Bilhões, benefícios serão suspensos a partir de junho

Por Guilherme Kalel

Royal Express – 11/06/2019 7h

Enquanto os jornais brasileiros e muitas pessoas ficam preocupadas e perdidas com as notícias de conversas de integrantes da Lava Jato, vazadas por um site qualquer, que
nunca antes ninguém ouviu falar e que parece especializado em divulgar conteúdo de Hackers, nesta terça-feira os políticos fazem um teste de fogo e de fidelidade para com o governo.
O Congresso Nacional se reúne em sessão conjunta, para avaliar uma proposta que permite a abertura de um crédito suplementar para o governo federal, na casa de R$ 248,9 Bilhões.
Os recursos são necessários, para que o governo honre com pagamentos da Previdência Social.
Aposentados, pensionistas e receptores de auxílio doença e o BPC, dependem dessa aprovação.
Se os Parlamentares não chegarem em um consenso e aprovarem a suplementação, o governo suspende a partir de 25 de junho, os pagamentos integrais de benefícios do INSS.
A partir de julho a suspensão passará a valer para o Bolsa Família e o plano Safra será afetado em agosto.

A previsão é do Ministério da Economia, que desde março vem tentando convencer o Congresso, da importância e necessidade em se apreciar essa matéria.
Mas, a queda de braço entre o Congresso e o Presidente Jair Bolsonaro, acabou atrapalhando as investidas da Economia, e do próprio governo.
A falta de diálogo de Bolsonaro com o Congresso Nacional, é bem refletida na real situação de agora.
A maior parte dos partidos políticos, não estão alinhadas com os interesses do governo, e nesse caso, também não alinhados aos interesses de 45 milhões de pessoas, que podem ficar sem seus benefícios a partir deste mês.
Fontes ouvidas pela Reportagem de Royal Express, relatam que se não houverem mudanças são de 60% as chances de que o Congresso não aprove isso hoje.
E deixe o governo numa situação caótica e o país a beira de um colapso sem precedentes.

Membros do governo sabem da importância dessa aprovação.
Por isso, procuraram alguns Parlamentares no final de semana, e especialmente nessa segunda-feira, 10, para tentar convencê-los de apoiar o Presidente Bolsonaro e conceder a suplementação.
Enquanto o foco de todos estão voltados para as conversas da Lava Jato, o Congresso tem o poder de definir agora, o futuro de 45 milhões, e talvez, mais de 50 milhões de brasileiros nos próximos meses.

Anúncio – Os produtos que irão mudar a sua vida

Anuncie no Royal Express