PSL vai pedir auditoria em contas presidenciais

Por Ester Marini

Brasília 12/10/2019 | 7h55

O PSL decidiu nesta sexta-feira, 11, protagonizar um contra-ataque as declarações de Jair Bolsonaro e de alguns parlamentares que pediram auditoria interna das contas do partido nas eleições de 2018.
O objetivo dessas pessoas é saber, se houveram irregularidades cometidas pela Legenda que justifique uma troca de partido, sem que percam seus mandatos.
Já o PSL, decidiu protagonizar uma ofensiva contra o Presidente no calor de toda essa crise, pedindo uma auditoria nas contas internas da Presidência.

O partido quer saber, exatamente o que e com que, Bolsonaro gastou cada centavo arrecadado por sua campanha.
Fosse ele pelo fundo partidário ou através de doações particulares.
O objetivo da ofensiva, é também prejudicar pessoas ligadas a Bolsonaro, que eventualmente possam ter cometido qualquer tipo de irregularidade, desde simples a mais graves, avaliam especialistas.

A crise no PSL e Bolsonaro começou na semana passada.
O Presidente teria dito que o Presidente da Sigla, estava queimado para caramba, e que seus aliados deveriam esquecer o PSL.
Luciano Bivar, que preside o partido, disse que o Presidente estava afastado da Legenda.

O grande problema entorno desta questão, é que muitos parlamentares se filiaram ao PSL, exatamente por causa de Bolsonaro.
Com sua eminente saída da Legenda, eles também querem sair.
Mas podem ter o mandato cassado, por infidelidade partidária, caso saíam sem um motivo.

Volte ao Royal Express

Anúncio – Veja os produtos que podem mudar sua vida

Publicado em